Início | Notícias | Fotos | Brunhoso | Tradições | Artesanato | L. de visitas | Fórum Blog | Ligações  

Regionalismos e expressões típicas
Falares de Brunhoso
Lendas
Provérbios
Quadras sobre Brunhoso


Tradições da Páscoa
Tradições de Natal

Alheiras
Casamentos do Caneiro

A cultura do linho
A segada

Enviar um novo termo ou expressão


 



A Fraga da Tecedeira


Não muito longe da aldeia de Brunhoso, no caminho para as Malhadinhas, existe uma grande fraga de forma arredondada, com uma enorme fenda, a que o povo chama a Fraga da Tecedeira.
Contam os mais velhos que, em tempos antigos, houve uma luta com os mouros, e que durante essa luta, foi raptado um principie que por ali passava com a sua princesa.
A princesa, desgostosa com o acontecido, refugiou-se no interior dessa fraga e ali ficou à espera que o seu principie chegasse.
Cansada de esperar, começou a entristecer. Decidiu então pedir os préstimos da Senhora Miclina que por ali passava todos os dias, para lhe arranjar um tear para ocupar o seu tempo.
Como a Senhora Miclina era a tecedeira mais importante da região, satisfaz-lhe o pedido e arranjou-lhe o tear. O tear ao cair nas mãos da princesa transformou-se num tear de ouro.
O principie nunca mais apareceu e a princesa ficou para sempre nessa fraga, que passou a chamar-se a Fraga da Tecedeira.

Enviada por Silvia Sieiro
Miranda de Ebro, Burgos, Espanha

 
 

Xo_oX

01-12-2005